A vida além da Jabulani

É meus amigos, estamos a dois dias de começar a Copa, mas ainda há vida fora da África do Sul.

Pelo mundo, a novidade mais do que esperada veio da reunião do conselho de segurança da ONU, que impingiu novas sanções ao Irã. Com os devidos votos contrários de Brasil e Turquia, claro. Parece besteira, mas o recado foi mais do que claro: vocês não são ninguém, não mandam porra nenhuma, aquele acordo mequetrefe que vocês assinaram com o maluco não valeu de nada e sua estada no conselho de segurança é só pra inglês ver. Simples assim.

Por aqui, apesar da bagunça pelos jogos da seleção canarinho na terra de Mandela, é bom não esquecer que estamos em ano de eleição. Aliás, a campanha começa oficialmente no dia 6 de julho, cinco dias antes da final. E se até lá, não tem ninguém muito aí pra qualquer coisa, tem um detalhe que está passando e ninguém está se dando conta. Fizeram um barulho danado pelo tal projeto Ficha Limpa (que eu também assinei), ele passou na câmara e no senado, mas ainda aguarda sanção do apedeuta. E ta todo mundo tão preocupado com a forma física de Kaká, a dor lombar do Julio César e a falta de criatividade no meio de campo da seleção, que não tem ninguém cobrando o chamegão do presidente. É isso mesmo, foi tudo em vão?

Voltando a falar de bola, essa história de parada de campeonato por causa da copa é f*#%$a. Faz falta ver o Flamengo jogar, mas o problema maior é quantidade de boatos que rondam a Gávea e uma tal Selemengo que já teve 800 versões, mas que até agora não saiu da imaginação. Falam num monte de gente, grandes craques etc., mas papel assinado que é bom, nada. Depois, não resolvem nada e desperdiçam o tempo parado que deveria ter sido utilizado para arrumar o time. Ô presidenta, vambora trabalhar…

Pra terminar, Fórmula 1. Neguinho conseguiu marcar três corridas no período da copa, uma no dia da final. To imaginando os sorrisos estampados nos rostos dos patrocinadores se dando conta de que ninguém vai olhar direito para os supercarrinhos enquanto a farra sulafricana não acabar. Pombas, os gênios do marketing da categoria não se deram conta que uma Copa do Mundo chama muito mais atenção que qualquer outro evento esportivo da terra, incluídos aí os jogos olímpicos? Custava fazer uma parada de um mês no campeonato?

Para o bem ou para o mal, domingo agora tem GP do Canadá? Grande pista, possibilidade de chuva, probabilidade de uma baita corrida no seco ou no molhado. E quase ninguém prestando atenção. Enquanto FIA e FOM dão seu tiro no pé, Webber renovou com a Red Bull, Massa fica na Ferrari até 2012 e a Academia de Maranello contratou um canadense de 11 anos para garantir o futuro do cavalinho rampante.

Por hora é isso. E a partir de amanhã, começo a publicar meus palpites para cada um dos jogos, uma espécie de bolão. Será que vou acertar muito? Provável que não, mas você, um da meia dúzia de oito ou nove amigos/leitores que passam por aqui, pode se preparar para brincar também.

Anúncios

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s