Se sapo tivesse embreagem…

…talvez não pulasse tanto. O problema é que ‘se’ não existe. Não joga, não corre, não pilota, não governa, não nada.

Hoje, Dunga revelou a lista dos 23 convocados para a Copa do Mundo. Além das discussões comuns sobre essa ou aquela posição, como os deficientes reservas de goleiro e os improdutivos laterais esquerdos, estão na lista Gilberto Silva, Kleberson, Elano, Felipe Melo, Júlio Baptista, Ramires e Josué. Além de Kaká, esses são os meio-campistas do escrete canarinho na luta pelo hexa. Para o ataque, Robinho, Luis Fabiano, Grafite e Nilmar. E daí?

Daí que a campanha de 2006 foi um fiasco. Muito mais pela postura durante toda a preparação, com indolência e festas em profusão em função do largo favoritismo, do que pela desclassificação nas quartas de final. Afinal, ser quinto colocado em um campeonato mundial nunca foi fiasco.

Assim, o principal papel de Dunga era resgatar alguns valores, como o orgulho de vestir a amarelinha, respeito, seriedade e – algo que, como diz o Calazans, os professores-doutores adoram – o espírito de grupo. Pois bem, ao longo dos últimos quatro anos (e apesar de não ter um décimo do carisma do Felipão), foi construída a ‘Família Dunga’. E aí, meus amigos, danou-se. Vamos começar com os ‘se’.

SE tudo der certo, seremos campeões mundiais. SE tudo der certo, Kaká não terá nenhum problema físico ou técnico e será o grande maestro do Brasil. SE tudo der certo, Robinho vai enlouquecer as defesas adversárias, da Coréia à Inglaterra, passando pela Espanha. SE tudo der certo, Júlio César vai ficar bem até a final e não teremos problemas sob as traves.

O grande problema dessa lista que poderia continuar quase indefinidamente é que há muitos ‘se’ para que tudo dê certo. E SE alguma coisa não der certo?

SE Julio Cesar se machucar ou não estiver bem? Doni é uma vergonha e Gomes… O que falar dele?

SE precisarmos da lateral esquerda para desafogar e resolver um jogo, dependeremos de Gilberto!!!!

SE Kaká tiver algum problema, não há ninguém capaz de substituí-lo à altura. Já pensaram no que vai acontecer SE precisarmos, em um jogo decisivo, de um meio campo formado por Gilberto Silva, Kleberson, Felilpe Melo e Elano (ou Josué ou Ramires ou Júlio Batista).

No ataque, SE Robinho – apesar do bom início de ano ao lado dos meninos da Vila – jogar o que jogou normalmente nos últimos anos, teremos um atacante a menos. E SE, além de Robinho jogar seu normal, algum outro estiver machucado? Não poderíamos, ao menos, começar a Copa com quatro atacantes?

Eu fui um dos que praguejou violentamente após a vergonha de 2006. Mas é inegável que – pelo menos em uma Copa do Mundo – não se pode abrir mão de algumas coisas. Uma delas é ter o imponderável a favor. E Dunga abriu mão disso. Porque – por teimosia ou por burrice ou por rancor ou por tudo isso junto – não teria personalidade suficiente para dar o braço a torcer e bancar as convocações de Ronaldinho Gaúcho e Paulo Henrique Ganso. Isso sem falar no gordo Ronaldo. Apesar de tudo, dois extra-classe, experientes, e um garoto que está explodindo e tem a capacidade ímpar de ler e descortinar um jogo, algo muito raro já há algumas gerações. Em comum, os três são capazes de fazer o que ninguém espera.

Pois Dunga não os chamou e nunca saberemos SE a seleção brasileira conquistaria a copa com eles. Torçamos, pois, para ganhar sem. Porque sabemos que, SE algo der errado, o projeto de técnico vai olhar para o banco de reservas e descobrir que só há mais do mesmo.

De qualquer maneira, ‘se’ não existe. Não joga, não corre, não pilota, não governa, não nada.

Bellini inventou o gesto de erguer a taça. Carlos Alberto o de beijar a taça. E o Dunga o de xingar a taça. (Marcelo Barreto, do SporTv)

P.S. 1: Para não dizerem por aí que só faço falar mal de tudo, Dunga cometeu, no ataque, seu grande acerto: a não convocação de Adriano. Não sei se Grafite seria a melhor opção, mas é fato que tem sido excelente no campeonato alemão e têm características semelhantes às do imperador da Chatuba.

P.S. 2: Se alguém tiver a paciência de pesquisar, pode me dizer se já houve na história desse país uma seleção brasileira com tantos jogadores reservas em seus clubes?

Anúncios

3 comentários em “Se sapo tivesse embreagem…

  1. O que mais gostei foi a exclusão do GORDO Imperador!!!
    O que menos gostei foi a exclusão do Neymar e a inclusão de
    Robinho( um mascarado, na seleção só faz figuração)

    Curtir

  2. depois de ver a entrevista de Dunga no JORNAL NACIONAL, só posso concordar com um comentarista que ouvi numa rádio, cujo nome não lembro, mas que acertou na mosca: “SE Dunga fosse técnico antigamente, não teria convocado Pelé (inexperiente) e Garrincha (imprevisível)”. Um SE pra lá de acertado…

    Curtir

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s