Pré-Páscoa movimentada

Desde 11 de março, quando estava muito feliz da minha vida por estar em terceiro lugar no Campeonato Estadual de Velamar22, que não escrevo. Pelo sumiço, os amigos são bem capazes de imaginar que algo saiu errado. E foi isso mesmo. Faltavam duas regatas para acabar a disputa, não andamos bem e terminamos em quarto, no desempate.

Na ressaca entre o final do campeonato e a Páscoa, a semana foi bem movimentada. E eu preferi esperar um pouco até todo mundo formar alguma opinião sobre os temas antes de falar a respeito.

O pau quebrou no Tibet e é claro que sou a favor da campanha Free Tibet, pois não dá pra ser a favor da China nessa situação. Mas naquela confusão, gostei mesmo foi do Dalai Lama que gritou avisando que se os tibetanos continuassem a briga, renunciaria. Oriente à parte, só uma pergunta: se o Acre resolvesse ser independente e o Brasil invadisse o estado para evitar a separação, você seria contra (uma situação não tem nada a ver com a outra, mas vale o exercício de imaginação)?

Ainda sobre a China, a organização Repórteres Sem Fronteiras continua protestando, usando e abusando dos meios de comunicação de todo o mundo contra a realização das Olimpíadas na China, por conta da briga com o Tibet e – o que realmente importa à ong – da falta de liberdade de expressão, além de vários jornalistas presos no país.

Não imagino que se possa ter outra opinião a respeito da falta de liberdade na China e tudo o que isso acarreta, mas não acho que os Jogos deveriam ser cancelados (e é claro que não serão). Mas é boa a atitude da União Européia, que não enviará representantes do Parlamento Europeu à festa de abertura. Quanto mais embaraços ao governo chinês, melhor. Seria excelente, por exemplo, que nenhuma nação enviasse representantes oficiais. E, só pra lembrar, por muito menos, Cuba e Fidel foram isolados por décadas.

Nessa semana muito animada, começou (extra-oficialmente) a campanha para prefeito do Rio. Pra quem tem Crivella, depois de quase mil anos de César Maia, liderando as pesquisas, é um alento ter a candidatura de Fernando Gabeira. Apesar de uma aliança, mais do que improvável, impossível há algum tempo (PV-PSDB-PPS), Gabeira fez algumas exigências interessantes para assinar o acordo e aceitar ser candidato. Mesmo que nem todas sejam respeitadas se eleito – como a não indicação política para alguns cargos -, pela história dele e pelos concorrentes, eu não poderia ter outro candidato.

E estou, desde já, em campanha.

Além disso tudo, o Flamengo ganhou do Nacional e da Cabofriense (uau!!), encontraram uma tonelada de cocaína circulando por aí, mais brasileiros foram barrados na Espanha, o Congresso luta contra as MPs etc, etc, etc… Sobre o feriado? Subi a serra para os lados de Lumiar, São Pedro da Serra e Boa Esperança. Quando conseguir baixar as fotos, conto como foi.

Anúncios

4 comentários em “Pré-Páscoa movimentada

  1. Caro Gustavo, entrei nessa discussão, pois também acho lamentável e oportunista essa aliança do Gabeira. Votar nessa turma é manter o que temos hoje com César Maia. É lógico que Gabeira não viria como um candidato da situação, pois se queimaria, mas a aliança com o PSDB fluminense mostra essa tendência.

    Vejo um equívoco no seu comentário sobre o Chico Alencar. Ele é candidato do PSOL e considero o melhor de todos. Votar nele é a grande chance que temos. E olha que você sabe que dificilmente me veria defendendo um candidato do PSOL, mas o cara é dez! A outra opção é a Jandira.

    Para finalizar vou ser franco. Se der um segndo turno entre Gabeira e Crivela, voto no Crivela, pois teríamos o estado e o município do RIo alinhados com o governo federal. A entrada do Sérgio Cabral no governo do estado só tem trazido vantagens para o Rio, que tem recebido vários investimentos, como o Comperj e o PAC.

    Um abraço, Mauricio.

    Curtir

  2. À Isabel e ao meu pai, algumas observações: antes de mais nada, tudo contra o Crivella. E também acho péssimo ter muitos candidatos contra um.

    E o que temos?
    – Jandira: gosto muito dela, já votei nela várias vezes, mas não tem a menor chance.
    – Chico: também já votei nele. O problema é que o PSTU é radical demais, com uma visão de mundo fora da realidade.
    – Solange Amaral: me abstenho de comentar.
    – Eduardo Paes (talvez): gosto dele, seria meu candidato. Mas depois da fritura que sofreu, mesmo que dispute, não tem chances.
    – Gabeira: também acho que a aliança com o PSDB é ruim, mas longe de trágica. Talvez seja mesmo um oportunista, mas não me convenço de que existe coisa melhor.

    Curtir

  3. Gustavo, logo que soube da candidatura do Gabeira, desanimei. Essa aliança com o PSDB é trágica.
    Ao menos por enquanto, estou olhando a Jandira com carinho (ela é ótima!). O Chico Alencar tb está na minha lista.
    Tem mil candidatos contra o Crivella e isso é péssimo. Ele mesmo já disse que vai mergulhar com tudo na zona Norte e periferia, onde tem mais chances, e deixar os outros candidatos disputarem o eleitorado da classe média.
    Acho que só vou decidir na reta final. Meu voto, com certeza, será contra o representante da Igreja Universal.
    Aproveito para te dar os parabéns. O blog vai de vento em popa – está o máximo!
    Bjo.

    Curtir

Comente

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s